terça-feira, 4 de outubro de 2011

História, números e resultados



HISTÓRIA, NÚMEROS E RESULTADOS

Clóvis Campêlo

O Treze Futebol Clube, de Campina Grande, também conhecido como o Galo da Borborema, nosso próximo adversário na Série D do Campeonato Brasileiro de 2011, foi fundado no dia 7 de setembro de 1925, por treze desportistas paraibanos, liderados por Antônio Fernandes Bióca, considerado pelos historiadores locais como o introdutor do futebol na cidade.
Possui 15 campeonatos estaduais conquistados, com destaque para o título de 1966, ganho de forma invicta e que representa a estrela que o clube ostenta na camisa, acima do escudo.
Entre outros títulos conquistados pelo clube paraibano, consta o do Módulo Amarelo (2ª Divisão) do Campeonato Brasileiro de 1986.
Em 2005, fez uma grande campanha na Copa do Brasil, eliminando o Ulbra do RS, São Caetano e Coritiba, e sendo eliminado nas quartas de finais pelo Fluminense carioca.
Segundo o pesquisador pernambucano Carlos Celso Cordeiro, em matéria divulgada no Jornal do Commercio de ontem, ao longo do tempo, Santa Cruz e Treze já se enfrentaram 80 vezes, com 38 vitórias corais, 21 empates e 21 vitórias paraibanas. Ainda segundo o mesmo pesquisador, do ano 2000 para cá foram realizados sete encontros entre as duas tradicionais equipes do futebol nordestino, com quatro vitórias do Santa Cruz, um empate e duas vitórias do Treze. Nos dois últimos jogos realizados entre as duas equipes, ambos no Estádio do Arruda e pelo Campeonato de Nordeste, dois resultados distintos. No primeiro, em 2009, o Santa venceu pelo placar de 2x0. No segundo, em 2010, a equipe paraibana vencia por 4x3, quando abandonou o campo insatisfeita com a marcação de um pênalti a favor do tricolor pernambucano. Como se pode verificar, até o momento presente as estatísticas nos são favoráveis.
Na Série D deste ano, ambos os clubes realizaram dez jogos. O Santinha obteve 5 vitórias, 4 empates e uma derrota, marcando 11 tentos e sofrendo 6. O Treze conquistou 7 vitórias e foi derrotado 3 vezes, marcando 20 gols e sofrendo 12.
Os números acima nos mostram duas equipes que se equivalem. O Santa Cruz mais forte na defesa, enquanto o Treze com mais capacidade ofensiva, o que, com certeza, dará um tempero maior aos dois jogos.
Não sabemos ainda se o primeiro jogo, em Campina Grande, será no Estádio Amigão, com capacidade para 35 mil pessoas, o que nos favorece, ou será no Estádio Presidente Vargas, do Treze, com capacidade para apenas 10 mil torcedores, um verdadeiro alçapão.
Convém esclarecer ainda que nos últimos jogos em casa o Treze tem mantido uma média de público de pouco menos de cinco mil torcedores por partida. Nada que se compare com a imensa força da torcida coral.
A sorte está lançada. Vamos juntos encarar essa última etapa da nossa caminhada em busca da Série C em 2012.

Nenhum comentário: