sexta-feira, 3 de maio de 2013

Modernização


MODERNIZAÇÃO

Clóvis Campêlo

Vejam como são as coisas, amigos corais: a entrada dura de Martinez em Jeferson Maranhão, no jogo contra o Náutico, nos Aflitos, resultou em um rompimento parcial em um dos ligamentos do jogador coral. O atleta timbu nem cartão amarelo levou. O lance foi ríspido e merecia ser punido. Por conta disso, ficamos sem o substituto de Natan para o jogo contra Inter gaúcho e contra o Sport na decisão do Pernambucano.
Hoje, a prática esportiva, e principalmente o futebol que é um esporte onde há contato físico direto, conta com diversos recursos eletrônicos para se dissipar esse tipo de dúvida e de beneficiamento ao atleta infrator. Penso que já é tempo do futebol se modernizar a esse ponto.

Nenhum comentário: