segunda-feira, 18 de novembro de 2013

A Ema Gemeu!

A Ema Gemeu!

Alberto Félix, de São Paulo

Camaradas Corais do Pina, Brasília, Cordeiro e arredores, alcoolistas e tabagistas.
Meninas e meninos Corais.
Perdão, pela preguiça e o obvio relaxamento em escrever, mas tem porquê, menino, minha casa estava mais revirada que uma rua da sofrida Bagdá.
Camarada coral, sabe qual é a maior merda quando nos metemos em uma reforma? E um tal de “jaque” aparece, eu explico, já que vai fazer isso porque já não aproveita e, fodeu.
Perante tudo isso cheguei a uma severa conclusão.
Coisas que um homem não deve fazer nunca.
Carregar botijão de gás, melancia, bateria de carro e sobretudo nunca jamais em hipótese alguma jogar “frescobol” e não te metas em reformas domésticas é bronca!
Rapaz, Lou Reed encantou-se!
Não vou aqui dizer que conheço a obra dele no Velvet Undeground, conheço pouco ou quase nada.
Há um filme muito gostoso de assistir chamado “Sem Folego” no qual além de Lou Reed participa Madonna, Jim Jarmusch e outras figurinhas carimbadas.
E deu Cruzeiro, a raposa, parabéns!
Para mim o que embotou a vitória deles foram aquelas faixas de louvor, etc.
Futebol tem que ser laico!
Quem tem bom censo cruza os braços!
E nós?
Menino, tão longe de mim distante vi o Colosso do Arruda que mais parecia a Praça Tahrir no Cairo de Gamal Abdel Nasser e suas bandeiras encarnadas preta e branca.
A ema cuiabana gemeu na unha de Flávio Caça Rato!
Uma vitória a sangue frio.
Saudações Corais a todos.

Nenhum comentário: