sábado, 3 de maio de 2014

Santa Cruz 1 x 1 Paraná


SANTA CRUZ 1 x 1 PARANÁ

Sob uma forte chuva, o Santa Cruz só empatou por 1x1 com o Paraná, ontem à noite, no Arruda, pela 3ª rodada da Série B do Brasileiro. O terceiro empate do tricolor pelo mesmo placar e continua sem vencer na competição. A equipe coral ocupa na 12ª posição com três pontos, enquanto o time paranaense soma quatro na quinta. No entanto, são colocações provisórias, pois a rodada será complementada neste sábado.
O campo castigado com as chuvas prejudicou demais os dois times. Não havia condição de tocar a bola. Só restou a vontade e aplicação, como também levantar a bola e chutar para frente. Foram poucos os momentos de um futebol mais técnico. O Santa Cruz, no entanto, mostrou mais determinação, especialmente com Renatinho pelo setor esquerdo. O Paraná, mais atrás, procurava fechar os espaços. Mesmo assim, o tricolor chegou em alguns momentos na área. Aos sete, o atacante Flávio Caça-Rato teve uma chance, mas chutou fraco para a fácil defesa do goleiro Marcos.
O Paraná, de forma correta, tentava os contra-ataques. Aos 12, em uma cobrança de falta do meia Lúcio Flávio, o goleiro Tiago Cardoso defendeu com dificuldade, aos 17. Em seguida, também uma cobrança de falta, Luciano Sorriso cruzou na área e o atacante Leo Gamalho, de cabeça, obrigou Marcos a fazer uma grande defesa. A resposta do adversário veio em seguida, quando Keno, de fora área, bateu no canto e Tiago Cardoso defendeu para a escanteio.
Apesar do campo encharcado, o Santa teve mais presença no ataque. Assim, aos 23 minutos, Renatinho cruzou da esquerda e Luciano Sorriso completou para fazer 1x0. O time coral, porém, não segurou a vantagem. Em um erro de marcação, o meia Marcos Serrato, após driblar Everton Sena, bateu forte para empatar.
No segundo tempo, o Santa Cruz partiu para cima do Paraná. Logo a um minuto, o volante Sandro Manoel arriscou de fora da área e Marcos fez grande defesa. Logo depois, aos três minutos, Luciano Sorriso cobrou escanteio e Leo Gamalho desviou de cabeça e Giancarlo salvou quase na linha de gol.
O Paraná abdicou de atacar, ficou apenas se defendendo. Na tentativa de pressionar mais o adversário, o técnico Sérgio Guedes tirou Caça-Rato e colocou Betinho. O atacante Adílson também entrou na vaga de Luciano Sorriso. Mesmo assim, foram raras as oportunidades. A melhor foi aos 34, quando o zagueiro Renan Fonseca desviou de cabeça um cruzamento de Sandro Manoel e Marcos fez grande defesa para garantir o empate.

SANTA CRUZ: Tiago Cardoso; Oziel (Nininho), Everton Sena, Renan Fonseca e Renatinho; Sandro Manoel, Memo, Luciano Sorriso (Adílson) e Carlos Alberto; Flávio Caça-Rato (Betinho) e Leo Gamalho. Técnico: Sérgio Guedes.

PARANÁ: Marcos; Carlinhos Miranda, André Vinícius, Anderson Rosa e Rodrigo Mann; Cambará, Édson Sitta (Rodrigo Celeste), Marcos Serrato (Carlinhos) e Lúcio Flávio; Keno (Gabriel Barcos) e Giancarlo. Técnico: Claudinei Oliveira.

Local: Arruda. Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (Fifa/GO). Assistentes: Evandro Gomes Ferreira e Bruno Raphael Pires (GO). Gols: Luciano Sorriso, aos 23, Marcos Serrato, aos 27 minutos do 1º tempo. Renda: R$ 102.620. Público: 8.029. Cartões amarelos: Everton Sena (S), Édson Sitta, Carlinhos Miranda (P).

Fonte: JC On Line

Nenhum comentário: