segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

O pior começo


O PIOR COMEÇO

João de Andrade Neto

Único clube a ter disputado todas as 101 edições do Campeonato Pernambucano, o Santa Cruz nunca teve um início de competição tão ruim quanto o deste ano, com derrotas seguidas por 3 a 0 para Sport e Serra Talhada. Isso porque a última vez que os tricolores iniciaram o Estadual com duas derrotas foi em 1951. Além disso, só em 1939 o fato se repetiu. Porém, em nenhuma dessas ocasiões, os corais ficaram sem marcar gols.
Na edição de 1951, o Santa estreou perdendo para o extinto Auto Esporte por 1 a 0. Na segunda rodada, a queda foi para o América por 3 a 1. Só na terceira rodada veio a recuperação, com goleada em cima do arquirrival Sport por 3 a 0, na Ilha do Retiro. Naquele ano, o tricolor acabaria na terceira colocação, com uma campanha fraca: cinco vitórias, três empates e oito derrotas. O Náutico acabaria com o título.

CONFIRA A ANÁLISE DO BLOG DE ESPORTES SOBRE O COMEÇO CORAL

Já em 1939, o Santa largou logo com três clássicos. Na estreia, derrota para o Sport por 3 a 2. Em seguida, novo tropeço diante do Náutico por 4 a 2. Na terceira rodada, o primeiro ponto somado, com empate com o América por 3 a 3. Ao decorrer da temporada, os corais se recuperariam e terminaram com o vice-campeonato. O título, mais uma vez, ficou com os alvirrubros.
Vale lembrar que o Santa Cruz nunca perdeu as três primeiras partidas do Pernambucano. Na Quarta-Feira de Cinzas, os corais encaram o Central, no Luiz Lacerda. Nova chance para recuperação. Ou para seguir escrevendo a história. Pela porta dos fundos.

Anos em que o Santa Cruz perdeu duas seguidas

1951
5 de agosto - Santa Cruz 0x1 Auto Esporte
15 de agosto - Santa Cruz 1 x América

Jogo que quebrou a sequência
26 de agosto - Sport 0x3 Santa Cruz

1939
9 de abril - Santa Cruz 2x3 Sport
21 de abril - Náutico 4x2 Santa Cruz

Jogo que quebrou a sequência
30 de abril - Santa Cruz 3x3 América

Fonte: Diario de Pernambuco, Recife, 08/02/2015

Nenhum comentário: