domingo, 10 de dezembro de 2017

Magoado, Marcílio troca o Santa pelo Boa e abre o jogo


MAGOADO, MARCÍLIO TROCA O SANTA PELO BOA E ABRE O JOGO

Daniel Lima

Marcílio é mais um a deixar o Santa Cruz. Em sua rede social (Instagram), o prata da casa anunciou a saída. Em conversa com a reportagem da Folha de Pernambuco, o meia confirmou a informação e revelou que vai defender o Boa Esporte/MG por duas temporadas, de 2018 até o fim de 2019. Chateado com as pouquíssimas chances no Arruda, ele não poupou criticas à diretoria coral. De agora em diante, o desejo é ser utilizado com mais frequência na equipe de Varginha.
“Eles (diretores) nunca dão prioridade aos mais jovens, principalmente pra mim”, disparou o garoto de 22 anos, natural de Aliança/PE. Já projetando o futuro, Marcílio prometeu empenho em seu novo clube e se mostrou aliviado pela chance de respirar novos ares na carreira. “Estou muito feliz por estar indo para o Boa. Sei do meu potencial e só quero jogar. Espero ajudá-los nas competições. Vou agarrar a oportunidade com unhas e dentes”, declarou.
Perguntado se o Santa Cruz o procurou para renovar o contrato, encerrado no mês de dezembro deste ano, o jovem disse que iniciou uma conversa, mas depois foi esquecido. “A direção só falava que iria sentar com o meu empresário. E nada. Sempre é assim. Então, eu resolvi não ficar mais e fechei com o Boa Esporte”, encerrou. Vale lembrar que no fim de novembro ele demonstrou interesse em permanecer no Tricolor para a próxima temporada.

Trajetória

Há seis anos no Arruda, Marcílio jogou apenas 18 partidas no profissional do Santa Cruz. Inclusive, disputou a Série A no ano passado. Fez seu primeiro gol exatamente na estreia em 2015, quando o técnico Marcelo Martelotte treinava o time coral na Série B. Este ano, foi emprestado ao Sampaio Corrêa, onde só atuou uma vez. Quando retornou ao Arruda, aproveitou muito bem as duas únicas oportunidades que recebeu no Campeonato Brasileiro da Série B. Deixou uma boa impressão ao marcar dois gols, um na derrota para o Paysandu por 4x2 e o outro na vitória de goleada sobre o Juventude por 5x2, ao ser acionado durante os jogos.
O garoto chegou ao clube em 2011, por indicação de Luciano Ribeiro, ex-técnico das categorias inferiores, e conquistou uma Copa Pernambuco e um Campeonato Pernambucano de base.

Fonte: Folha de Pernambuco,  09/12/2017

Nenhum comentário: