sexta-feira, 23 de março de 2018

Treze 0 x 0 Santa Cruz


TREZE 0 x 0 SANTA CRUZ

Após um início de temporada decepcionante, o Santa Cruz parece se ajustar aos poucos na temporada. E se o Tricolor caiu cedo na Copa do Brasil e fez um mau Campeonato Pernambucano, o mesmo não pode ser dito da equipe na Copa do Nordeste. Na noite desta quinta-feira (22), a Cobra Coral segurou o Treze/PB, no Amigão, em Campina Grande, empatando por 0x0. Resultado mais do que suficiente para deixar o time pernambucano em primeiro lugar do Grupo A, com nove pontos, e já classificado - de forma invicta - para as finais do Nordestão.
O Santa entrou no gramado em condição amplamente favorável, pois um empate poderia garantir o Tricolor na fase final da competição. Aos donos da casa não restava outra opção a não ser partir para cima e buscar a vitória. Mesmo assim, a Cobra Coral não mostrou-se dispersa. Longe disso. Nos primeiros minutos, as melhores chances vieram por parte dos visitantes, em duas oportunidades mal aproveitadas por Robinho. Depois, Geovani levou perigo com um forte chute de fora da área, defendido por Saulo.
Enquanto esperava-se uma reação por parte dos mandantes, acabou sendo dos tricolores a melhor chance da partida. Aos 23 minutos, Héricles partiu livre em direção ao gol. Na hora de driblar Saulo, o tricolor se atrapalhou e o goleiro evitou um gol praticamente certo. Afobado, o Treze/PB só levou algum susto em um remate de fora da área, de Dedé, que saiu. Na segunda etapa, logo no início, grandes lances de ambos os lados. Em ataque pela lateral-esquerda, Ávila levantou na área. Héricles errou. Na sobra, Daniel Sobralense cabeceou no travessão.
Na sequência do lance, foi a vez da equipe paraibana chegar perto do gol. Em contra-ataque veloz, Edinho Canutama bateu de longe, pelo lado de fora das redes, fazendo a torcida se enganar e comemorar o gol. Para piorar de vez a situação do escrete mandante, Guto, que havia entrado no lugar de Elielton, aos 25 minutos do segundo tempo, foi expulso por falta dura em Henrique Ávila, aos 38 minutos. Era a pá de cal que decretava a classificação do Santa e eliminação do Treze/PB na Copa do Nordeste.

FICHA TÉCNICA

TREZE: Saulo; Alex Travassos, Ítalo, Fernando Lopes e Danilo; Dedé, Elielton (Guto), Leílson, Beleu (Tininho) e Rayro (Hugo Freitas); Edinho Canutama. Técnico: Flávio Araújo.

SANTA CRUZ: Tiago Machowski, Vítor, Genílson (Augusto Silva), Danny Morais e Henrique Ávila; Leandro Salino (Jorginho), Luiz Otávio e Daniel Sobralense; Robinho, Geovani (Maílton) e Héricles. Técnico: Júnior Rocha.

Local: Estádio Amigão (Campina Grande/PB). Árbitro: Jailson Macedo Freitas (BA). Assistentes: Dijalma Silva Ferreira (BA) e Carlos Vidal Pereira de Oliveira (BA). Cartões amarelos: Ítalo, Fernando Lopes, Leilson (T); Geovani, Vítor, Danny Morais (SC). Cartão vermelho: Guto (T)
Público e renda: não divulgados.


Fonte: Folha de Pernambuco, 22/3/2018

Nenhum comentário: